Noite ritualística

IMG-20160522-WA0023

No último sábado, dia 21 de maio, havia dois eventos mágicos mundiais acontecendo ao mesmo tempo, a Bênção Mundial do Útero (originada por Miranda Gray) e a celebração dos Fogos Sagrados de Hekate (originada por Sorita D’Este).

Além disso, pelo sistema mágico de tarot, que foi o primeiro sistema mágico no qual trabalhei, essa lua correspondia à lua do arcano XIII, a Morte.

DIMG-20160522-WA0011ada que a BMU de maio no hemisfério sul, pela plenitude outonal, é acompanhada por uma meditação e trabalho de cura das ancestrais da linhagem materna, achei que seria lindo incorporar tudo isso em uma noite de vários rituais.

Começamos apenas com as mulheres, confeccionando bonecas de lã para representar a linhagem materna, e então recebendo em grupo a energia da Bênção e trabalhando essa cura de nossas ancestrais.

Em seguida, Renata Bastos, que é  a única paulistana que conheci que estudou com a mesma professora (que no caso ia a Porto Alegre regularmente para dar aulas para nosso grupo entre 2000 e 2001), e segue desde aquela época acompanhando as luas e mantendo os rituais para essas luas arcanas, nos guiou em um trabalho com o tarot para descobrirmos:

a) o que havia morrido em nós e precisávamos nos despedir

b) o que precisava renascer

c) qual era nosso catalizador ou agente dessa transformação.

Essas três respostas foram incorporadas pelas 15 pessoas presentes dentro do ritual que veio a seguir e culminou com o rito exato dos Fogos Sagrados de Hecate.

Foi uma noite muito bonita e potente. A ideia original era fazer dessa noite um ritual aberto mas, por questões pessoais, acabou sendo  com um grupo reduzido, mas valeu como o primeiro ritual organizado e apoiado pelo Conclave da Rosa e do Espinho.

Hekate prometeu muitas alianças se fizermos mais coisas em nome dela. Veremos o que vem a seguir.

Segue o rito dos Fogos Sagrados de Hekate, que é celebrado já há sete anos, sempre na lua cheia de maio.

Prelúdio:  

Posição confortável, respirar profundamente, encontrando seu equilíbrio de mente, alma e corpo, apresentando-se altivo e belo para o mundo. Inspire profundamente e encontre sua voz, a voz com que vai pronunciar palavras e intento puro e verdadeiro.

Respire profundamente e chame pela   liberdade que existe dentro de seu coração, de forma que você possa se expressar com pureza de intenção e com força de desejo.

Duas mãos sobre o coração (tempo de três batidas)

Dedo indicador e médio da mão dominante sobre os lábios (tempo de três batidas)

Então na testa (tempo de três batidas)

Cerre os punhos, com os polegares junto à palma (para dentro) e levante os dois aos céus.

Abra suas mãos com a palma da mão esquerda para cima, traga seu braço direito para o seu lado, com a palma para baixo e invoque a Deusa.

Invocação:

Eu lhe invoco, Grande Senhora do Paraíso, Terra e mar,

Por seus mistérios da Noite e Dia,

Pela Luz da Lua e pela Sombra do Sol

Eu lhe invoco, Senhora da vida, morte e renascimento

Emerge do reino das sombras para alimentar minha alma e iluminar minha mente

Senhora triplamente formada dos três caminhos

Eu lhe peço, Senhora portadora da Chave das Almas que Vagam pela Noite

Para enviar sua sabedoria dentre as estrelas

Para trazer seu fogo estelar da escuridão do meio

Criadora da Luz!

Deusa dos Reinos Sombrios! Rainha Portadora da Luz!

Sussurre agora seus segredos!

Portadora do Fogo! Telúrica! Rainha dos Céus!

[Erga ambas as mãos com as palmas para os céus (por três batidas do coração) e então toque o solo com as palmas para baixo.]

[Sente-se diante da vela e prepare-se para acende-la]

[Respire profundamente três vezes e permita que seus sentidos despertem]

Hecate, companheira e guia dos mistérios

Acendo esse fogo sagrado em sua honra [acenda a vela e caldeirão]  (tempo a todos)

Sua luz unindo as estrelas e as pedras, o céu e a terra,

Com este fogo eu expresso meu desejo por um maior entendimento de seus mistérios

Askei Kataskei Erōn Oreōn Iōr Mega Samnyēr Baui (3 vezes)

Phobantia Semnē,

Grande Hecate, que tece a teia das estrelas e governa a espiral da vida

Guia-me em direção das sendas do entendimento

De Encruzilhada em Encruzilhada,

Os Portadores da Tocha e os Portadores da Chave de seus mistérios,

Sempre encontrarão uns aos outros

[Agora, sente-se e assista a chama e dançar, permita-se focalizar nas diferentes cores da chama, os amarelos e os vermelhos, os azuis e brancos, e os negros.  Se desejar, pode decidir passar algum   tempo meditando   com   a   chama, buscando   visões   ou presságios.   Da mesma   forma, você pode querer extingui-la e manter a vela do seu verdadeiro Eu irradiar brilhantemente seus mistérios deste belo dia em diante, a chama do fogo do Hecate queima em seu coração!]


Agora expulso as sombras da dúvida de minha mente,

Imbuída com o silêncio e o calor da nossa união

Sinto o seu brilho dourado dentro do meu coração

E a glória do conhecimento sobre a minha fronte,

Sou aprendiz de seus mistérios

[Apague a chama e ponha as duas mãos sobre o coração (três batimentos cardíacos), o indicador e o dedo médio da mão dominante sobre os lábios (três batimentos cardíacos) e, em seguida, na testa (três batimentos cardíacos).  Abra as palmas das mãos em direção aos céus, então se abaixe e toque a terra.]

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s